PERFIL DO BARÃO LUDWIG KUMMER

O fundador da Tipity o Barão Ludwig Von Kummer, barão legítimo, da mais pura linhagem contemporânea dos Habsburgos.                                                                                            Seu título é
desses que só puderam ser conquistados por feitos d’armas, como os que foram realizados pelos seus ancestrais, em 1683, quando os maometanos de Rara Mustafá sitiaram Viena, pela segunda vez, na sua história e ao tempo do Sultão Mahomed IV, fazendo-o com um exército de 200.000 homens. Um rei polonês, Sobieski, espalhou-os, como aliado dos austríacos, às portas da capital.
Kummer, quando chegou ao Brasil, foragido da guerra nazista (Grupo Áustria Livre), como proclamava, trazia o aspecto marcial de prussiano sem monóculo, rígido de formas e mais firme ainda na vontade. Era capaz de retirar um caminhão de qualquer atoleiro com a mesma facilidade com que, sozinho, poderia desmontar motores e substituir pistões e Molas de segmento, tornear peças ou manobrar tratores, empurrando arados ou puxando “bullgraders”. Parecia um nobre dos da corte de um Pedro, o Grande, da Rússia, o rei operário. E quase sempre se transformava também num Frederico II, da Prússia, com a diferença de que, ao invés de tocar flauta e sem ser musicista, só sabe extasiar-se com Mozart, Haydn ou Beethoven. Também recita Goethe ou Shakespeare, de cor. Por isso tudo, ás vezes, julgavam-no um estrategista escondido aos olhos caboclos, como um Napoleão sob o manto de pianista, disfarçado leal servidor, espia de Rei Sargento moderno, do cabo .Adolf Schkkelgruber Hitler. No fundo, porém, Kummer era bem vassalo fiel de Rei Sacristão, defensor da Áustria invadida e sacrificada por filho espúrio.

FONTE:LIVRO "DEPOIMENTO" JULIO DE MIRANDA BASTOS -1948
fonte: blog do barão da Tipity

My Instagram