TRECHO DO LIVRO SERTANEJAS - JOSÉ ESTEVÃO LINHARES MACHADO



TRECHO DO LIVRO SERTANEJAS QUE CONTA UM POUCO DE NOSSA HISTÓRIA
XVI
As mais antigas fazendas do sertão gozam do privilégio de  ser:  São Pedro de Alcântara (Manguinhos) ,  e fazenda Sant'Ana. Aquela na enseada de Manguinhos e Gargaú, pertencente ao português  André Gonçalves da Graça, e esta ao capitão Simões cerca de três  léguas  sertão a dentro.
Era feito naquele tempo o comércio de negros cativos, pois em São Pedro era porto de navios negreiros.

JOSÉ ESTEVÃO LINHARES  MACHADO

Para proibir o desembarque dos cativos o Imperador  D. Pedro II mandou forte policiamento para aquela região. Ainda existe um lugar denominado Quarteis, onde estiveram alojadas essas forças que trouxeram até canhões para a garantia da costa. Até cerca de 10 anos ainda existia na praia de Manguinhos uma peça de canhão trazida naquela época, exposta ao desgaste do tempo.
Quando fui prefeito procurei a mesma na intenção do de colocá-la num pedestal  com dizeres alusivos, mas já tinha sido retirada pelo então gerente da Sulba, hoje Companhia Nacional de Energia Nuclear (Hamm Webber) Perdeu a municipalidade mais esta relíquia. a Contasse que na ocasião  da visita de D. Pedro II à fazenda de São Pedro, o senhor André Goncalves da Graça havia comprado ao navio negreiro sessenta negros  e teve de oculta-los na ocasião da visita. Foram mandados para Sant'Ana e o Capitão Simões hospitaleiro e humano, deu o trato carinhoso que sempre dispensava aos seus cativos .
Esta peça de artilharia foi encontrada na Praia de Manguinhos, no ano de 1968, quando escavações estavam sendo feitas para extração de areias. Este canhão, que remota ao período Imperial, possivelmente, pra aqui viera, quando D. Pedro II, havia mandada para atuar em nosso litoral, forças armadas para combater o tráfico de escravos, trazendo entre outros armamentos, canhões para a garantia da costa.
Finda a visita, foram procurados para devido retorno. Mas estes ameaçaram se equilibrarem(fugir) para o mato. Disseram os negros que depois de vendidos não saberiam a que dono iriam pertencer ,se seriam bons ou maus. O  Simões comprou todos, atendendo à solicitação do velho Gonçalves da Graça.  

0 comentários:

Postar um comentário

OBRIGADO PELA PARTICIPAÇÃO!

My Instagram